Ocorreu um erro neste gadget

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Recife

Sou alagoano e isto poderia me tornar uma pessoa suspeita, visto que, sou fruto de um Estado dissidente de Pernambuco, que bravamente, por meio da luta conseguiu sua emancipação política (WHY GOD, WHY??) e desde então vem prestando bons préstimos para a história do Brasil... vide Collor, Renan, Darth Vader e Curupira. Mas tudo isso não vem ao caso. Assim... eu não gosto de Maceió e não canso de repetir... mas... gosto até menos de Recife. Porque Recife tem os mesmos problemas de Maceió só que em escala maior e mais quente.

Ou seja, você fica irritado com o trânsito e com o lixo, mas com o adendo de ficar mais suadinho! Em Maceió pelo menos prevaleceu o bom senso de limitar a altura dos prédios da orla (creio eu que não tenha sido de forma deliberada, mas apenas um erro mesmo... sabe-se lá... não acredito em acertos conscientes por parte dos seres dominantes daqui.). Ah... para explicar: Recife acaba ficando ainda mais quente devido àquela camada de prédios altos que constróem na orla.

Outra coisa chata é a questão da megalomania... Recife intitula-se a capital dos Baobás, a cidade com a maior avenida urbana em linha reta do mundo (pois é), a Veneza brasileira, a cidade com o melhor café regional do mundo (sim... melhor regional do mundo, e eu sou o melhor Skatista do meu quarteirão no mundo ;D e o melhor de tudo, eu sou o único! Excelência e exclusividade melhor que isso só se houvesse excrementos! HÁ!). Enfim... cansei... estava muito tempo parado... hora de assistir desenhos animados.

Ah... voltando de Recife vi algo muito legal. Quem passa por Ipojuca sempre vê muita propaganda sobre a Cidade, que Porto de Galinhas é octacampeã entre as praias mais bonitas do Brasil que o calçamento da rua do girino foi feito com primor, que os jogadores de dominó do bairro boa esparança podem sorrir com seus novos tabuleiros... enfim, sensacional. Mas... desta vez me surpreendi, tinham outdoors noticiando a entrega de kits de inverno para as crianças... sim... crianças com capas, guarda-chuvas e galochas... é isso aí.. Ipojuca faz... Ipojuca mostra... por meio de 200 mil outdoors.