Ocorreu um erro neste gadget

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Uma vez....

Eu nasci em Crypton mas nunca aprendi a voar.
Quando pequeno meus pais foram assassinados em Gothan City, mas eu preferi não ficar com a herança.
Um pouco mais jovem uma aranha radioativa me picou e meus dedos ficaram cabeludos
Mais tarde eu recebi uma descarga de raios Gama, fiquei verde. Mas era enjoo.
Uma vez eu usei uma armadura, ela era vermelha. Mas de plástico.
Um velho maroto tentou me ensinar Karate, lavando carros e pintando cercas. Eu fugi na segunda aula.
Já disseram que a força estava comigo... mas nesse dia eu não quis me levantar do sofá.
Um outro velho com cara de maluco pediu que eu dirigisse um DeLorean, mas eu não tinha carteira.
Me deram um ticket para o Titanic, mas como enjoo, fiquei lá em Liverpool mesmo.
Uma vez  eu estava correndo com uns Buffalos e fui atrapalhado por um soldado, seu lobo e um bando de índios fanfarrões.
Na guerra do Vietnã, eu tomei um tiro no bumbum. Mas não conheci o Presidente, um tal Forrest conheceu.
Certa vez morei sozinho em uma ilha até que chegaram: um tal chamado Tom, que falava pelos cotovelos com um rapaz, Wilson. Pobre Wilson. Então eu me irritei e fugi da ilha.
Em outra ilha caiu logo um avião e desde então nunca mais tive paz. Tinha um cara muito chato chamado Jack e então eu fugi a nado, mesmo.
Quando eu estava em Tróia...  tinha uma tal Helena que fazia sucesso, mas nem era tão bonita e ainda... não depilava as axilas.
Então eu fui pro deserto e me sentei, pensei um pouco e então cheguei a uma conclusão: é... nunca caiu um raio em mim!

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Alagoas

16 de Setembro é o dia da Emancipação de Alagoas.  Mas o que raios é Emancipação, Dedel? Bom...  Alagoas pertencia a Pernambuco, e como Pernambuco era muito levado e peralta, iniciou uma revolta,  os cabras da comarca de Alagoas (ainda pertencente à Pernambuco) apoiaram os Portugueses, traindo a galera pernambucana... assim Alagoas virou capitania.. haha  começou bonito!

Então começou a saga...  Alagoas só tinha cana... e só continua a ter, é a única coisa que reina por estas terras e desde pequeno eu sempre odiei a Cana de açúcar...  e o cheiro que vem na época do plantio e da moagem, ou seja lá do que for. Odeio a Cana de Açúcar... para mim não existiria açúcar e seria muito feliz, afinal, índio não comia açúcar e vivia muito bem sem cáries.

Não... a Cana de Açúcar não é o maior produto de exportação de Alagoas... mas sim os políticos, afinal três alagoanos já foram presidentes do País. Enquanto isso.. veja o Acre, quantos  já elegeu? hein hein. Os políticos daqui compõem uma gama de espécies variada e altamente resistente à chacota popular pois sim, eles podem roubar, tomar tiros, serem pegos com armas, transformistas e lixo nuclear, mas sempre... sempre conseguirão se reeleger, sim eles sempre voltam.... como baratas ou cupins...  eles nunca morrem (politicamente, claro), visto que, vez ou outra andam matando políticos por aqui. Acho que é até uma questão imposição natural, são tantos que para ganhar espaço, só matando, às vezes com muito esforço e sem sucesso, vide o deputado que tomou 6 tiros e não morreu...  vale lembrar que o Robocop, virou Robocop por muito menos!

Ah... mas Alagoas tem coisas legais... o litoral.  Desde que você não encontre nenhum político na praia, o que é difícil em face da grande concentração que há por aqui, você ficará feliz e contente, menos na praia do Francês, porque tem muita gente  e sempre aparece uma Hippie com as axilas cabeludas querendo vender pulseirinhas =z

Outra coisa legal em Alagoas é que não é tãoooo quente, não há  furacões, terremotos, nem nevascas ou tubarões... Só de vez em quando chove pra dedeu, e às vezes pra cacete.... mas  nada que evite que você more por essas terras, a não ser que a água leve tudo, aí é mau.

Enfim... feliz aniversário Alagoas e que 1 um político vire fumaça para cada ano de história, pelo bem da terra. E cuidado Pernambuco que a gente ainda  vai anexar vocês...  tenham medo!

domingo, 12 de setembro de 2010

Marcantes momentos, momentos marcantes.

Existem fatos que marcam a vida da pessoa e isso é inegável. Há aquele dia em que o Corinthians ganhou do Santos,  com um gol do Ricardinho nos últimos minutos, nessa época eu realmente achava que se estivesse na mesma posição a cada jogo do Corinthians, ele seria campeão de tudo (ledo engano),  há aquele outro dia em que tive uma dor de barriga durante uma prova e para completar não havia papel higiênico no banheiro do colégio (e eu tive que pular pro outro sanitário ¬¬), há aquele outro em que um passarinho fez as necessidades na minha cabeça em pleno ponto de ônibus. Enfim, há coisas que marcam.

Eu lembro bem do dia em que o Bin Laden quis carcar os EUA jogando os aviões no WTC, lembro que cheguei em casa depois de ir ao Colégio, tava aquela coisa em todos os canais, se brincar até o Cartoon Network tava passando... ao invés de transmitir o desenho do Homem Aranha (que é legal para dedel). Eu lembro de ter pensado...  "meu irmão...  o WTC... porque não a Estátua da Liberdade?". Enfim... ato babaca de um barbudo, que fez com que um bando de gente  interesseira lucrasse um bocado com a guerra. Haha mas... fazer o que? Se dá dinheiro vendendo rifle, granada, avião que voa sem piloto e provoca aquela zorra toda.

Outra coisa que me marcou foi a copa de 1994, haha  a copa foi legal demais, eu lembro que eu torci pela Bulgária, não sei porque raios, mas torci nos meus muitos 10 anos. Pena que a Bulgária ficou pelo caminho... mas o Stoichkov ao menos foi artilheiro, oh! Momento emocionante foi Brasil e Holanda.. o Branco fez o gol e saiu chorando como uma mocinha.

Houve o dia em que eu vi a Ana Maria Braga vestida com um Macacão da Ferrari (sim... a roupa vermelha, nada de macacos no meio)...  eu senti vergonha, estava na cadeira do dentista e a vergonha foi ainda maior pois foi um dia depois da corrida em que o Felipe Massa poderia ser campeão, todo mundo comemorou como se ele fosse, até que o Hamilton ultrapassou o Glock no final e foi campeão, senti vergonha dos parentes do Massa e senti vergonha do Galvão Bueno (namorado do Massa).  Engraçado que eu só assisto o programa da Ana Maria Braga quando estou: no dentista, esperando por uma autorização na Unimed, esperando no laboratório. Enfim, em situações em que eu to nem aí para o que a loira e o papagaio estão fazendo ou falando =\

Assim, pronto...  cansei vou ali ver se o Faustão virou uma pessoa melhor (sim, eu acredito).

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Política é um saco... me nomeiem ditador e acabo com isso.

Não há nada mais chato que política. Quer dizer, há  um bocado... entre elas ir ao dentista e passar uma tarde atendendo telefonemas de telemarketing de Bancos que querem o seu dinheiro e se possível a sua alma também, isso se você já não tiver vendido pra conseguir aquele Camaro (carro bonitão e de macho). Mas isso não vem ao caso, política é chata.

A cada dois anos nós somos bombardeados com fotos de políticos que: ora fazem caras sorridentes, ora fazem caras sexy's, ou ao menos tentam. Sabe como é, ninguém perfeito e nem mesmo fotogênico o tempo todo ou mesmo nunca. E o que eles querem com tudo isso? O Seu voto...  para poderem usar terno, gel e serem conhecidos apenas pelo apelido infame durante, ao menos, os próximos 04 anos.  Eu adoraria ser chamado de Del por 04 anos e ter o salário de um Deputado =\  Acima de tudo, não trabalharia e teria muito tempo pra jogar video-game.

Nessas horas eu queria ser ditador,  nada muito cruel e sádico como o Pol Pot. Mas com algum requinte: usaria roupas legais para não ser alvo de muitas piadas, ainda que tivesse o poder para evitá-las com o uso dos setores de inteligência haha (tirania é algo tão divertido). Assim tudo seria mais lindo e divertido, para mim. Haveria menos aproveitadores no país, só haveria eu e em troca... eu prometo ser um líder de boa postura e que não teria grandes extravagâncias.  

Assim... indiquem uma pessoa pra ditador e esqueçam toda a chateação que a democracia representa ao dar direito de ampla representação. =z